Deus me fez exatamente assim como sou!

Deus me fez exatamente assim como sou!

Escrito por: Kathryn Albig com Anna Merkle | Publicado: quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Anna Merkle é uma menina muito feliz, livre e engraçada. Mas, aparentemente, isso não foi sempre o caso. Ela costumava sofrer porque se importava muito com o que os outros pensavam dela. Isso afetou sua alegria. Ela nos conta sobre como isso mudou.

«Eu costumava pensar, ‘O que pensam de mim? Eles provavelmente não gostam de mim,’ etc. Eu ficava com medo de como as pessoas iriam reagir quando eu fazia as coisas. Eu queria que eles me reconhecessem. Mesmo quando se tratava de coisas simples, como uma postagem no Instagram, por exemplo.»

A nova mentalidade

Em uma reunião de jovens em sua congregação Anna ouviu um dia uma mensagem que realmente ela teve que ouvir. O líder da juventude disse que a nossa vocação como cristãos é ter uma vida extremamente feliz. Ele leu Romanos 8:28: «Pois sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que por seu conselho foram chamados.» Embora Anna tinha ouvido esta mensagem muitas vezes antes, ela percebeu pela primeira vez, realmente como esta palavra se aplica a sua própria vida. Ela tinha visto tudo errado sobre isso; Sua felicidade não era dependente de outras pessoas. Se ela amava a Deus, então o que os outros pensavam dela não era motivo para se preocupar. Deus sempre teve seus melhores interesses no coração, e tudo iria cooperar para o bem!

Deus sempre teve seus melhores interesses no coração, e tudo iria cooperar para o bem!

«O que os outros pensam de mim não tem nenhum significado em minha vida. Desperdiçamos muito tempo pensando nisso; isso pode realmente ser auto-centrado & raquo.; Anna decidiu que ela iria começar a viver sua vida apenas para Deus. Ela começou a ler o máximo possível a Bíblia e literatura cristã. «Jesus tornou-se meu amigo, e eu realmente poderia confiar nele.»

« O medo do homem lhe arma laços, mas o que confia no Senhor, ele é seguro ».; (Provérbios 29.25)

Uma personalidade em Deus

«Comecei a perceber que é realmente importante que ter a sua própria personalidade, e viver sua vida para Deus. As pessoas são diferentes – elas se vestem diferente, elas agem diferente. Deus quer que eu seja uma personalidade nele. Há algo tão grande para mim. Deus tem um plano para todos nós. Quando percebi isso, percebi que ele tinha me criado segundo Seu plano para mim e para a minha vida, e que ele pode me usar do jeito que eu sou!

Eu não sou muito boa em esportes, por exemplo, e é fácil pensar que eu deveria ser, porque muitos outros da minha idade são bons no esporte. Mas eu gosto de música e mídia. Trata-se de encontrar o seu lugar e usar o que Deus me deu para ser uma bênção. Deus tem dado isso a mim e ele me fez assim, então por que devo me preocupar com esportes ou tais coisas?»

Ele me criou segundo Seu plano para mim e para a minha vida, e que ele pode me usar do jeito que eu sou!

Anna decidiu que queria ser o tipo de pessoa que está sempre de bom humor. Não superficialmente, mas, no fundo, uma alegria verdadeira e duradoura. Ela sabia que isso era possível apenas por viver sua vida para Deus. E ela descobriu que quando ela vive para Deus, ela também pode ser uma bênção e fazer o bem para os outros.

Nada pode roubar minha alegria!

«É simplesmente incrível como Deus trabalha; Ele já fez um milagre em mim. Eu mudei muito de como eu era antes. Eu posso ser feliz o tempo todo. Nada pode roubar minha alegria!»

Ela ainda é tentada em se preocupa com o que os outros pensam; tentada a buscar a glória dos homens, em vez da glória de Deus. Mas agora ela luta contra isso e não deixa que isso tenha poder sobre ela ou que isso possa afetá-la.

«Não desistir, é um bom lema para usar. E isso é realmente o meu objetivo. Muitas vezes penso no verso em Isaías 40.31: «Mas os que esperam no Senhor renovam as suas forças.» Temos sempre uma ligação com Deus através das nossas orações, e nós sempre podemos ganhar força. Quando as situações vem onde eu sou tentada a me preocupar com o que as pessoas pensam, a primeira coisa que faço é pedir; então eu recebo a força para superar a situação. É preciso orar e crer.

Temos sempre uma ligação com Deus através das nossas orações, e nós sempre podemos ganhar força.

Essa é a verdadeira alegria! Não apenas finjo disso; Eu sou muito feliz! Agora eu tenho a maior felicidade que pude ter na minha vida »!; Já não sou escravo do temor aos homens.

«Uma vez ouvi alguém dizer que talvez eu  sou a única Bíblia que as pessoas ao meu redor leem,» conclui Anna. Seu objetivo é ser a « Bíblia que fala e caminha». Que todos ao seu redor através de sua vida possam ver o que significa ter uma vida com Jesus.