Lies Matthews Geschichte weiter unten

"É possível viver uma vida em pureza!"

Escrito por: Bessie Wong | Publicado: segunda-feira, 28 de maio de 2012

„O mais valioso que posso dar, é uma prova de que esta vida é verdadeira. É possível viver uma vida na qual se vence completamente o pecado – uma vida vitoriosa.“ Matthew Ibrahims prova suas próprias experiências, o que muitos, no seu círculo de conhecidos, consideraram impossível. Mas mesmo assim ele não é o único.„

Matthew nasceu em Melbourne na Austrália, em umas das localidades que tem sido de longe a mais multicultural. Ele tem descendência, metade inglesa e metade egípcia. Desde a sua juventude ele foi membro, juntamente com seus pais, de uma igreja cristã conservadora.

O Matthew que eu conheço é tranquilo, inteligente e cheio de humor. Ele sempre irradia calor, mesmo quando apenas sorri ou pergunta: „Como vai?” Nos encontramos pela primeira vez alguns anos atrás. Naquela época eu morei por um tempo em Melbourne, e frequentávamos a mesma igreja local. Eu ouvi de outros membros da igreja que aos 19 anos ele apareceu um belo dia, inesperadamente no local da igreja. Eu perguntei a mim mesmo, porque ele veio e por que ficou aqui. Nesse ano nos reencontramos em uma das conferências internacionais, em Brunstad. Em um intervalo tranquilo, finalmente tive a oportunidade de ouvir a sua história.

O anseio por uma vida mais profunda em Cristo, começou já nos anos de juventude com Matthew.

Um dia amargo e decepcionante

„Aos seis ou sete anos perguntei para minha mãe: ,Existe mais algo que precisa ser feito para entrar no céu, depois de pedir que Jesus entre no coração?`

,Não, isso é tudo que você precisa fazer`, respondeu ela.

Essa era a mensagem na igreja que frequentávamos, na qual o tema principal era o perdão dos pecados. Eu lembro bem que estava aliviado, pois não era uma criança lá muito obediente.“ Mas ao mesmo tempo Matthew, acreditava que um dia isso iria mudar. 

 „Na realidade eu sempre acreditei de que não seria necessário voltar a pecar.“

Ao ser batizado aos doze ou treze anos Matthew pensou que este deveria ser o dia da transformação. Ele se alegrava em estar, através do batismo, em condições de viver uma nova vida - a vida de Jesus - como diziam a ele. Para ele foi como se tivesse usado um novo casaco, no qual estava escrito: „Não vivo mais eu, mas Cristo vive em mim.“ Mesmo assim ele lembra como se sentiu desanimado, ao acordar na manhã seguinte e perceber que ele ainda era o mesmo. „Em toda a minha vida ainda não tinha estado tão decepcionado.“

"Eu estava desanimado, porque ainda vivia como escravo da minha própria natureza pecaminosa, a qual tinha herdado. Ao retroceder Matthew reconhece: „A razão foi, que não entendi, que posso ir adiante, tomar a minha cruz e viver uma vida vitoriosa.“

Promessas de Deus

Tomar a sua cruz? Vitória? Essas expressões nunca foram ditas naquela igreja que Matthew frequentava naquela época.

Debaixo do banner com o título „Uma vez salvo, sempre salvo“ o pecado era tratado como um tema sem importância. Matthew se pergunta como os outros cristãos parecem satisfeitos com sua vida cristã. Isso estava contrastando com sua própria miséria de acabar com o pecado. Ele também descobriu que a anunciação a qual estava sujeito não combinava com o que a bíblia diz: „Tem tantos versículos na bíblia que tratam de como se deve lutar para entrar no reino dos céus.“

Na bíblia ele encontrou promessas para aqueles que crêem: „Se alguém se purificar destas pessoas, este se torna uma ferramenta de proveito honroso, santificado e preparado para o hospedeiro e para toda a boa obra.“ Isso deixou Matthew entusiasmado.

„Nesses versículos parecia tão fácil sair disso de ser um vaso de desonra e passar a ser vaso de uso honroso.“ .

Perseverar nas provações

„Existem tentações suficientes para pensamentos impuros no interior de um homem jovem.“ Aos 15 anos ele sentiu a importância de viver uma vida em pureza. „Eu clamei a Deus por ajuda!“

Matthew tinha comunhão profunda e passava muitas horas lendo a palavra de Deus e orando quando estava sozinho. Isso se tornou uma arma espiritual poderosa, e nas batalhas que as vezes duravam meses ou anos, Deus podia-lhe mostrar o caminho das cruz: „Se tornou claro para mim que devemos perseverar nas tentações.“

Uma outra revelação para ele foi que poderia resistir os pensamentos impuros enquanto os mesmos ainda fossem pequenos. Mas Matthew ainda não tinha comprendido nesse tempo que já tinha começado a seguir o exemplo de Jesus de tomar a sua cruz todos os dias. Tal como Jesus ele procurava a ajuda de Deus nas tentações, e Deus ouvia as orações de uma alma sincera. Matthew começou a entender que não deveria ceder aquilo pelo qual era tentado.

„Deus queria mostrar com clareza: Eu posso escolher ceder para o pecado e fazer a minha própria vontade, oo posso escolher resistir ao pecado e fazer a vontade de Deus.“

Matthew recebeu força através da oração e ele teve a decisão de odiar e negar as paixões, ou como diz a bíblia, „crucificar“ elas. Pela primeira vez ele percebeu que teve vitória! 

„Eu senti uma alegria esmagadora! Se comparado ao que senti depois do batismo, essa experiência foi bem diferente: Essa foi uma confirmação do Espírito de que essa era a vida a qual deveria viver.“

Provas vivas ao meu redor

No caminho para vencer o pecado, os inimigos são fortes, e Matthew ainda não tinha ouvido da vitória pessoal e por inteiro de Jesus contra o pecado em pensamentos e ações. Ninguém mostrou a ele o caminho que Jesus andou . „Não demorou muito para que caísse novamente.“

O que teria acontecido se Matthew tivesse continuado na luta sozinho? „Se não tivesse vindo para a igreja, tenho certeza de que teria acabado como alma desanimada. Apesar de ter tentado viver uma vida agradável a Deus, eu teria  ´reconhecido` aos poucos de que isso não seria possível.“

Deus viu o que Matthew precisava. Depois de ter procurado em outros lugares, ele foi conduzido a uma igreja que cria na vitória sobre o pecado. Juntamente com um amigo ele encontrou a igreja local de DCG em Melbourne. Depois de toda sua procura, suas decepções e seu desanimo ele finalmente ouviu do caminho da cruz – do caminho que um discípulo deve andar depois de ter recebido perdão dos pecados.

„O que eu tinha crido anteriormente, se confirmou; é possível para mim de viver uma vida onde venço o pecado todo o dia.“

Mas não somente isso:
 

„Eu descobri que também existia outros que criam que é possível ter uma vida pura todos os dias.“

Ele viu provas vivas das promessas de Deus ao seu redor. „Eu fiquei impressionado que essas pessoas eram homens de Deus sólidos, que entendiam a obra de Deus e praticavam na sua vida.“

Nas reuniões Matthew ouvia nos testemunhos de homens e mulheres da sua fé e de suas batalhas. Ao ouvir eles o espírito também trabalhava nele. „Aquilo, do qual os outros falavam também era cheio de significado para mim. O espírito começou a mostrar coisas na minha vida as quais tinha que mudar e deixar.“.

Comunhão

Na igreja Matthew conheceu muitos exemplos que viveram a vida antes dele. Ele conheceu pais e pastores que o ajudaram em amor, irmãos e irmãs verdadeiros que dividiam o mesmo objetivo.

 

 

 

 

 

 

 

"Ver outros que lutaram através de seus problemas e situações pessoas é uma fonte de fortalecimento para mim. O mesmo desejo que ouço neles por uma vida nova, a qual podemos ganhar através do evangelho, é despertado também no meu interior. Isso me lembra de que verdadeiramente é possível viver uma vida na qual se vence o pecado.“

Através da obediência ao espírito ele teve juntamente com muitos outros, avanços no caminho da cruz. Ele mudou e viveu a vida pela qual sempre ansiava.

„Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros.“ 18 anos depois Matthew está sentado na minha frente e citando 1 João 1, 7, enquanto divide comigo as suas experiências.

„Essa comunhão não surge porque nos entregamos ao mesmo ensinamento, ou porque cremos o mesmo que está „no papel“ ...,

…mas sim se vivemos a mesma vida e recebemos vitória sobre as mesmas áreas, então surgem laços espirituais fortes, que na realidade não podem ser descritos.“

Com muitos homens e mulheres fiéis em cada continente da terra uma irmandade surge, que vence divisas de territórios e países, culturas ou antecedentes pessoais. 

„Eu creio que isso não poderia existir sem a mensagem da cruz e da vida cheia de vitórias“, sorri Matthew e balança um pouco a cabeça como alguém que descobriu algo grande.

Agora ele gostaria de compartilhar com todos os que tem desejo por essa vida:
 

O mais valioso que posso dar

„O mais valioso que posso dar é a prova de que esta vida é verdadeira. É possível viver uma vida em perfeita vitória sobre o pecado – uma vida cheia de vitória. Nós temos uma igreja com muitos exemplos e testemunhas dessa vida que Jesus nos tornou possível através do novo e vivo caminho. O perdão dos pecados é apenas o começo dessa longa e fantástica caminhada na fé que podemos empreender aqui na terra.

Está escrito que Deus não faz acepção. O Filho de Deus é capaz de nos pagar com seu sangue, indiferente de quantas experiências ruins tenhamos tido, ou de quantas vezes caimos.

Meu conselho é encontrar outras pessoas que crêem nisso. Você precisa deixar se convencer de que essa vida é verdadeira e possível para você.“