Você sabe quão prejudicial suas palavras podem ser?

Você sabe quão prejudicial suas palavras podem ser?

Escrito por: Janne Epland | Publicado: quarta-feira, 30 de setembro de 2015

É tão fácil comentar qualquer coisa em Instagram sem mais nem menos. Leva apenas alguns segundos para enviar uma mensagem de texto. É fácil fazer uma observação sarcástica, rindo de alguém. É muito fácil machucar uns aos outros com palavras.

Acabei de ler uma publicação comovente de uma menina de 17 anos. Contou que tinha sido pisoteada, cuspida e das mensagens arrepiantes dos seus companheiros, quando ela estava no colegial.

As palavras podem reduzir a auto-estima de uma pessoa para zero num piscar de olhos.

Sua história é, infelizmente, apenas uma das muitas – mas isso causou uma impressão extra em mim. Em sua publicação ela pede encarecidamente que sejamos cuidadosos com o que dizemos e escrevemos uns aos outros. As palavras podem matar. Lembre-se disso quando você está na escola, diz ela.

Embora os exemplos que ela cita sejam horríveis e desprezíveis, são as imagens de mensagens de texto que ela recebeu que me atingem particularmente meu interior. Ela é feia, eles escrevem, ela merece morrer. Ela é fortemente acusada de ter feito os crimes mais graves, totalmente sem fundamento. Os rumores se espalharam rapidamente em mídias sociais.

Palavras que trazem danos

Não é necessariamente a batalha física que faz o maior dano. As palavras podem reduzir a auto-estima de uma pessoa para zero num piscar de olhos. Uma mensagem de texto dizendo que ninguém se preocupa com você, ou que ninguém gosta de você por causa do que você se parece, é difícil lidar com isso. Isso podem ficar marcado durante anos. Talvez eles realmente foram feitos como uma piada, talvez o remetente estava com alguns amigos quando ele escreveu e foi um pouco levado. Talvez muitos sentem o mesmo e parece justo que alguém disse a ele ou a ela a verdade. Estas são desculpas ocas. 

Palavras não desaparecem.

Não estamos falando apenas de palavras que são semelhantes a ameaças de morte, como esta pobre moça teve. Não estamos falando apenas sobre bullying. Mas de palavras frias, palavras de julgamento que podem fácilmente escapar tanto de mim como de ti, sem pensar. As palavras podem machucar, danificar, tornando uma pessoa insegura, chateada ou fazer com se sinta excluída. Isto nunca é correto. Independentemente da intenção, nunca devemos dizer ou enviar uma mensagem que pode ser percebida dessa forma. Este é um grande perigo com a mídia social – a pessoa se torna suficientemente distanciada da pessoa para a qual você está escrevendo que a maneira de se dizer algo é mais baixa do que nunca. E vai perigosamente rápido; algumas teclas e «enviar». 

É possível apagar a palavra? 

A palavra não desaparece. Ela continuará a existir a partir do momento que voce a disser, ou enviar a mensagem. Ela existe em pensamentos e mentes do destinatário, mas também na memória de Deus. Isto aplica-se ao bem e ao mal, Deus julga com justiça (Mateus 12.37). Não vamos dizer ou escrever qualquer coisa que não fariamos novamente, mas pensar uma vez a mais antes de rir de alguém ou de fazer comentários sarcásticos. 

Somos chamados a edificar, ser bons uns com os outros. Abençoar. Para isso nós também podemos usar as mensagens e as mídias sociais.

Mas se acontecer que dizemos palavras que lamentamos, o melhor que podemos fazer é corrigir isso. Pedir desculpas. Pode ser difícil e requer coragem para pedir perdão. Nós todos precisamos de perdão, acima de tudo pelo próprio Deus. (Efésios 4,32) Quando pedimos para ele do coração verdadeiro e honesto, Deus é tão bom que ele nos perdoa por todos os tipos de pecado, também as palavras muito impensadas. Mas também devemos colocar as coisas em ordem com aqueles aos quais machucamos. Assim, podemos pedir a Deus para obter uma nova mente e pedir para poder começar de novo para que o mesmo não volte a acontecer. O alvo é que devemos ser tão transformados que tais palavras não sairão mais de nós. 

Escolha abençoar

O que é o oposto de ferir? Abençoar. O que é o oposto de criticar? Incentivar. Está escrito que os frutos de uma vida para Deus são bondade, justiça e verdade. (Efésios 5,9) Isto deve ser refletido em nossas palavras. Imagine ser um exemplo nestas coisas, em vez de um que derruba com palavras negativas. Somos chamados a edificar, ser bons uns com os outros. Abençoar. Para isso nós também podemos usar as mensagens e as mídias sociais. Usar tais palavras que não nos arrependeremos, nem aqui nem na eternidade!

«Ninguém despreze a tua mocidade, mas sê o exemplo dos fiéis, na palavra, no procedimento, no amor, na fé, na pureza!» 1. Timoteus 4,12.

Temos de cuidar que nossas palavras não transmitam trevas, mas luz em seu lugar. Você tem que estar atento e vigilante.

«Senhor, defina guarda a minha boca! Cuide as portas dos meus lábios!» Salmo 141,3.