O engano de belas palavras

O engano de belas palavras

Publicado: quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

"Não vos enganeis! Não vos deixem enganar!"

Este é o fio que o apóstolo João tece através de suas cartas. Ele estava no espírito da verdade e cuidava sinceramente das pessoas para que não fossem extraviados por "boas palavras" e hipocrisia e mentiras. "Se dissermos que temos comunhão com Ele, e andarmos em trevas, mentimos e não praticamos a verdade." 1 João 1: 6. O andar em trevas quer dizer que temos algo que queremos esconder, algum pecado que não quer suportar a luz. Isto não é o espírito da verdade! "Aquele que diz: eu o conheço, e não guarda os seus mandamentos, é um mentiroso, e nele não está a verdade... Aquele que diz que está nele, também deve andar como ele andou.” 1 João 2:4,6. Não deve haver "uma aparência de piedade, mas negando a eficácia dela." 2 Timóteo 3:5. As pessoas são facilmente enganadas por uma aparência de piedade, por isso a intenção de João era acender uma luz forte sobre a hipocrisia, para que nós não fôssemos enganados.

Fachadas atraentes

Nós somos naturalmente atraídos por boas aparências, por pessoas que se apresentam bem, com confiança e talento para falar. A que deveríamos estar atentos são as obras dessas pessoas - em que espírito elas estão. O que está acontecendo atrás das cenas? Estas pessoas estão andando na luz, guardando Seus mandamentos assim como eles estão escritos, andando assim como ele andou? Palavras bonitas não querem dizer nada; é a vida que conta. As palavras bonitas podem cegar as pessoas para os pecados daquele que fala. As pessoas costumam ouvir o que tem um som bonito e à frases bonitas, mas elas não tem senso para a verdade. Há uma vida andando com Jesus por trás das palavras? As pessoas podem falar tão habilidosamente, mesmo continuando a viver em pecado. 

Pastores e líderes de igrejas podem viver em adultério e outras abominações, e as pessoas podem não estar cientes de nada, até que tudo explode. Então as pessoas ficam chocadas; ele era um líder tão talentoso! Mas se as pessoas estivéssem no espírito de verdade, sobre o qual João radia uma luz tão forte, eles teriam discernido o espírito que estava por trás da fachada. Deus cuida para que a hipocrisia seja revelada. Essas coisas não podem ficar ocultas para sempre. Não fique sentado apenas ouvindo o que soa bonito, - fraseologia bonita, magnetismo de caráter, entre outros. Aprenda do que João exorta, e aprenda a discernir os espíritos. Adquira um senso para o espírito de verdade! Então você não vai ser enganado pelo espírito do Anticristo que trabalha com tanto poder através dessas pessoas, para apartar pessoas da verdade que está em Deus. 

A pregação deve ser de acordo com o espírito de Deus. 

Estes líderes espirituais ensinam que o pecado não é tão perigoso. Não podemos fazer muito em relação ao pecado, eles dizem, mas há graça suficiente para perdão. Deus nos vê com "óculos de sol" - através do sangue de Jesus. Pregando a verdade - que nós devemos andar como Jesus andou - iria fazer com que as pessoas saíssem deles. Eles querem ter poder; eles amam essas grandes multidões que migram para ouvi-los falar. Eles se tornam viciados em poder. Eles querem ter um nome de profeta. Isto é, realmente, adultério espiritual. Um líder tem que servir ao Deus vivo, não servir à pessoas. O que ele deveria estar pregando é o que o Espírito de Deus trabalha em seu coração. Nada mais nem menos.  

Nossa confiança deveria estar naqueles que pregam a palavra de Deus com força, clareza e poder. Naqueles que andam abertamente na luz, cujas vidas podem levar os holofotes do espírito de verdade. As suas falas levam ao ouvinte à uma vida em Cristo. Uma vida de guardar os seus mandamentos e viver assim como ele viveu. Isto é o oposto do que o espírito do anticristo está realizando etravés de líderes que, através de sua hipocrisia e perversão da palavra de Deus, não podem conduzir ninguém à nada além de perdão de pecados e bons sentimentos. 

“Amados, não creiais cada espírito, mas provai os espíritos, se eles são de Deus.” 1 João 4:1.

Poucos são os que amam a verdade

As pessoas amam ouvir essas palavras porque elas querem dizer que eles não precisam usar a cruz na sua própria vida - elas tiram a necessidade de ação, sofrimento, e o deixar o pecado. Isto é o motivo pelo qual pessoas que pregam neste espírito Anticristo atraem multidões com suas palavras grandiosas, bonitas e vazias. Eles dão às pessoas exatamente o que elas querem ouvir; não o que elas precisam ouvir. E então satanás está satisfeito, porque ele tem pessoas lá onde ele as quer - quilômetros longe da verdade do evangelho de vitória sobre o pecado. 

E assim as pessoas queriam, antes, continuar na sua cegueira e ignorar a verdade. Porque assim elas podem viver as suas vidas confortáveis, seguras na sua crença que Jesus fez tudo e que eles não precisam fazer nada. Aqueles que deveriam ser seus professores e instrutores em Cristo foram possuídos pelo espírito do Anticristo, e assim a maior parte do mundo religioso continua em escuridão e ignorância. 

Poucos são os que pregam a palavra da verdade! Poucos são os que procuram a verdade e têm seus olhos abertos para a decepção de um espetáculo exterior sem uma vida de Cristo interiormente. 

Baseado em uma mensagem dada por Sigurd Bratlie em Oslo em 1980.