Qual é o resultado do cristianismo?

Qual é o resultado do cristianismo?

Escrito por: Nellie Owens | Publicado: terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Não se pode negar que Cristo teve um impacto significativo sobre o nosso mundo. Sem o nascimento de Jesus não existiria o mundo como nós o conhecemos. Não existiriam católicos, protestantes, nenhum Natal. O dólar americano não teria as palavras«In God we trust». Amerika (Fundado em valores cristãos) não teria realmente existido tal como o conhecemos hoje.

No entanto, se esquecermos as consequências sociais e culturais cristãs para um momento podemos fazer-nos uma pergunta relevante: O que o cristianismo realmente atingiu?

O cristianismo tem resolvido os problemas da fome no mundo? Dificilmente. A violência com armas de fogo? Acho que não. Tem alcançado a paz mundial? Nem um pouco ... Existe realmente algum resultado?

«Quem permanece em mim dá muito fruto»

Jesus disse: «Eu sou a videira, vós sois os ramos. Quem permanece em mim e eu nele, esse dá muito fruto. Porque sem mim nada podeis fazer. ... Nisto é glorificado meu Pai, em que deis muito fruto, e sereis meus discípulos.» Jo 15,5.8

Aqui vemos que esse é o resultado de viver uma vida cristã. Este resultado não vem na forma de paz imediata no mundo ou que os problemas de toda a vida terminem aqui e agora. Jesus nos diz que seus verdadeiros discípulos dão frutos.

Os frutos dos quais Jesus falou são os frutos do Espírito: são as virtudes de Cristo e é o resultado da obediência à palavra de Deus e à Sua vontade em nossas vidas.

«Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Contra estas coisas não há lei. Aqueles que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a carne com as suas paixões e desejos.» Galat 5,23-24. Os frutos dos quais Jesus falou são os frutos do Espírito: são as virtudes de Cristo e é o resultado da obediência à palavra de Deus e à Sua vontade em nossas vidas.

Uma nova natureza

Quando você decide desistir de sua própria vontade (os seus próprios desejos) para fazer a vontade de Deus, então«cruscificas» a carne, como diz a Bíblia. Intencionalmente desistir ou negar seus próprios pecaminosos desejos, desejos e inclinações que só levam à inquietação e infelicidade, para agradar a Deus com sua vida. E o resultado de fazer a vontade de Deus em todas as situações na vida é que você recebe uma nova mentalidade. Você se torna conforme à imagem de Cristo e dá frutos para ele. (Romanos 12,2, Romanos 8:29)

Onde antes havia um limite humano para a sua bondade e amor, agora você pode demonstrar a infinita bondade e o amor para com os outros.

Basicamente, isto significa que se você é fiel em fazer a vontade de Deus uma e outra vez, então você chega a unidade com a sua vontade e natureza, e suas virtudes substituem suas próprias, tendências pecaminosas naturais. Onde antes havia turbulência em seu coração, você chega a paz. Onde antes fostes indelicado, você aprende a ser gentil. Onde antes havia um limite humano para a sua bondade e amor, agora você pode demonstrar a infinita bondade e o amor para com os outros. E a lista continua e continua.

Você deve conhecê-los pelos seus frutos

Em Mateus 7,15-18 Jesús disse, «Cuidado com os falsos profetas Eles vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. Pelos seus frutos os conhecereis. Colhem-se uvas dos espinheiros ou figos dos abrolhos? Assim, toda árvore boa produz bons frutos, porém a árvore má produz frutos maus. Uma árvore boa não pode dar maus frutos, nem uma árvore má dar frutos bons.»

Há muitas pessoas hoje que se dizem cristãos, mas que não seguem a Cristo em verdade. Isso às vezes pode tornar difícil saber em quem confiar ou crer, e o cristianismo parece inteiramente estar faltando em muitas áreas. Mas a verdade é que o verdadeiro Cristianismo, seguir a Jesus e dar a nossa própria vontade em todas as situações, na verdade, produz um resultado. E Jesus nos diz que devemos ser capazes de reconhecer os verdadeiros cristãos pelo resultado.

É o fruto do Espírito que vêm à tona na tua vida?

Então a questão é: O que a sua fé produz? É o fruto do Espírito que vêm à tona na tua vida?

Tiago nos exorta: «Mas sede cumpridores da palavra e não somente ouvintes.» (Tiago 1,22) Se você é um que carrega a palavra e segue a Jesus em todos os pontos, então também será natural para você dar bons frutos e progredir em sua vida cristã. Amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, humildade, a abstinência será o resultado de sua fé. E esse é o resultado do cristianismo!