Ich habe gewählt an Gott zu glauben
Ich habe gewählt an Gott zu glauben

Eu escolhi crer em Deus

Escrito por: Øyvind Skutle | Publicado: quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

"Teu diagnóstico é o mais provável …“ A palavra do médico ainda está no ar, enquanto meus pensamentos estão voando. O que agora?

Como meu futuro se parece? Isso tem conseqüencia para aqueles que estão á minha volta? Por quê eu e por quê justamente agora?

Eu sinto que ainda não fiz tanta coisa e que tantas atividades interessantes e emocionantes estão diante de mim. Não menos importante os pensamentos na família e no crescimento dos filhos e netos. Serei limitado agora nas minhas ações?
A viagem de carro para casa se torna uma experiência interessante. Eu senti uma paz e um descanso que preencheram meus pensamentos. Foi como se tivesse recebido uma nova perspectiva sobre minha vida. Os pensamentos inquietos caíram e eu lembrei do que Paulo escreve em Filipenses 4, 6-7:
Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus.!“

Sim, é claro! Eu que já tinha escolhido crer em Deus, essa escolha não deveria mostrar o caminho nessa situação? Talvez devo experimentar novas consequências do que acontece quando creio em Deus, deixando minha vida nas mãos de Deus em todas as áreas?

„Entregar a vida nas mãos de Deus“. Como isso acontece? Isso não parece um pouco indiferente? Você não faz nada para ficar saudável? Sim, com certeza faço tudo que posso para voltar a ter saúde, ou algo para retardar a evolução da doença, mas os pensamentos não estão presos de que TENHO que voltar a ter saúde.

Novamente vem uma palavra da bíblia:Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo vos exalte; Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós.“ (1.Pedro. 5, 6-7)

Humilhar-se debaixo da potente mão de Deus é o mesmo que se decidir a crer no cuidado de Deus. Essa escolha me colocou em contato com forças celestiais. Forças e recursos que você não consegue entender antes de ter caminhado por inteiro nesse caminho. Você talvez pergunta qual passo. Sim esse de deixar os meus próprios pensamentos e deixar os pensamentos de Deus guiar a minha vida.

Eu escolhi crer, nas mãos de Deus, cheias de cuidado e amor. Através de situações diferentes que vem ao meu encontro, Deus quer me dar a possibilidade de ser liberto das minhas reações humanas. Isso pode ser amargura, preocupação e muitos pensamentos e opiniões inquietantes. Nessa situação eu decidi de levar as consequências de crer em Deus. Como assim? Eu decidi agradecer a Deus em tudo. Isso me deu paz e agradecimento para tudo do qual ainda posso usar os recursos. Quando os pensamentos inquietos „batem na minha porta“ eu não preciso abrir. Deus nos dá uma outra „porta“, que podemos utilizar – „a porta da fé“. Através desta eu posso ter contato com ele. Essa porta nos usamos quando nos achegamos a ele em todas as nossas necessidades diárias. Ali nós recebemos as respostas do nosso pai celestial, dele que tem o total controle do que é o melhor para nós – em uma perspectiva eterna.