Uma prova livre de preocupações

Uma prova livre de preocupações

Escrito por: Lisbeth Johnsen | Publicado: terça-feira, 21 de junho de 2011

O final do semestre da primavera se aproxima. A escrivaninha some sob pilhas de papel e notícias. É a época das provas e os nervos estão trêmulos.

Estou sentado na minha escrivaninha com as costas tortas e o nariz enfiado nos meus livros. Essa é a posição na qual estive sentado várias vezes nas últimas semanas. Em alguns dias isso passou, então o exame termina. Mas até lá, ainda terá alguns dias cheios de estresse e dores de barriga.

A época das provas trás um monte de estresse e preocupações consigo. Estou sentado durante horas a noite,a fim de teminar a carga de trabalho e peço em segredo, por um examinador benevolente. Mas este estresse verdadeiramente é necessário?

Está escrito na bíblia, que não devo me preocupar. Por quê?

Em 1. Pedro 5, 7 está escrito ”Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós.“ Está escrito na bíblia que NÃO devo me preocupar. Porque?

„Mas se tirar notas ruins na minha prova“, penso então, „Deus vai me dar notas boas se não me preocupar?“ Ou isso significa algo diferente? Em romanos 8, 28-29 está escrito que, Todas as coisas contibuem juntamente para o bem, para serem conformes á imagem de seu Filho. Isso significa então, que independente das notas que tiro nas minhas provas, isto significa o melhor para mim.

 

O que então é o melhor para mim?

O que então é o melhor para mim? A bíblia nos ensina que ao acabar com o mal que está na minha natureza (a bíblia chama isso de „matar o pecado“), eu posso substituir preocupações, reclamações, ingratidão por paz, bondade e gratidão, que possuem um significado eterno! Isso posso fazer independente do resultado das provas. Eu faço a vontade de Deus, da mesma maneira como Jesus fez, e as coisas ficam infinitamente boas comigo!

Os últimos dias de aprendizado intensivo, passam a ser mais fáceis, quando penso que que tenho um Deus, que faz tudo de maneira perfeita para mim. Naturalmente tenho que treinar e fazer o meu melhor, mas não tenho que me preocupar, porque eu sei, que independente do resultado da prova, por fé e obediência a Deus, acontece o melhor para mim.

Eu afundo novamente nos livros, porque ainda tenho muito que aprender!